SAÚDE
Aromaterapia: óleos essenciais
   
Confira dicas repassadas pela farmacêutica Fernanda Menegaz

Por Divulgação
22/08/2020 15h00

Imagine  uma  erva  ou  uma  flor.  Ela é composta por diferentes partes, certo?  Cada  uma  delas cumpre  uma função.  Temos  raiz,  caule,  folhas, fl  ores e até frutos, em alguns casos.
O óleo essencial é o extrato concentrado  de  uma  ou  mais  partes  da  planta,  a depender do tipo de que estamos falando. Pode ser um concentrado das flores,  das  raízes  ou  das  folhas,  por exemplo.

O  que  o  óleo  essencial  faz,  como  o próprio nome sugere, é capturar os componentes aromáticos voláteis das plantas, o que explica o fato de alguns óleos terem um perfume tão intenso. Mas o que é um componente aromático volátil? Bem, são pequenas moléculas orgânicas que, estando no estado líquido ou  sólido,  rapidamente  evaporam quando submetidas à temperatura ambiente.
É por isso que, ao abrir um frasco de óleo  essencial,  você  já  sente  o  seu perfume, mesmo que à distância.


E vale lembrar que estes componentes aromáticos  não  existem  à  toa:  eles ajudam  a  proteger  as plantas  de condições ambientais hostis e têm até um  papel  importante no  processo  de polinização, atraindo abelhas e outros  insetos com o seu perfume.

Conhecendo  óleos essenciais
Cada componente aromático de uma planta  tem  uma formulação  química diferente  -  por  isso,  existem  os  óleos  calmantes,  os  estimulantes,  os regenerativos e por aí vai.
Agora,  uma  dica  sábia  de  quem  já  viu  muito  óleo  de  verdade  e  óleo  de mentira por aí: por serem extremamente  concentrados,  os  óleos  essenciais  PUROS costumam ser muito potentes. Mas  o  mesmo  não  ocorre com  óleos diluídos ou misturados a ingredientes pobres, que acabam perdendo as propriedades terapêuticas e medicinais. Em  alguns  casos,  óleos  de  baixa  qualidade apresentam  até  alguns antinutrientes,  que  mais  atrapalham do que ajudam.

Por isso, é fundamental saber escolher os  óleos  certos  de  acordo  com  a  sua necessidade, sempre se atentando à qualidade e ao grau de pureza, e seguir as recomendações do fabricante para a sua aplicação. É  sobre  esse  universo  maravilhoso dos  óleos  essenciais  que  a Naturativa está publicando vídeos nos grupos de whatsapp e, em breve lançará um material completo para seus clientes.

   

  

Comentar comment0 comentário
menu
menu